terça-feira, 27 de agosto de 2013

Grandes Homens


quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Videogames X Crimes Hediondos

Há muito vem se discutindo a influência dos jogos eletrônicos nas atitudes dos jovens que o praticam, assim como seu peso em crimes hediondos ao redor do mundo. Recentemente ocorrido e ainda presente nos noticiários está o caso do menino Marcelo, acusado de matar os Pais e parentes de forma fria e bem arquitetada, algo que pessoalmente acho impossível para um adolescente de 13 anos, não pela frieza da ação, mas sim por tudo que o crime envolveu e as peças não se encaixarem nesse crime.

Alguém despercebido pode ter se perguntado o que o caso de Marcelo tem a ver com o tema desse post já que o caso nem foi encerrado e o garoto nem declarado culpado foi!? Ok, ainda não está encerrado, mas os investigadores estão fazendo um esforço tremendo para responsabilizar o garoto, que teria sido influenciado pelo jogo Assassin's Creed, que é um jogo violento e nada além disso.

Imputar a culpa por desiquilíbrios de pessoas a jogos eletrônicos é totalmente incoerente, se fosse assim o mundo já teria entrado em colapso faz tempo, pois grande parte da população mundial utiliza estes jogos como entretenimento, e é a grande responsável pelo sucesso dos mesmos, e ademais se a recíproca fosse verdadeira, não poderíamos mais assistir nem as novelas e noticiários do horário nobre, já que esses, vez ou outra estão lotados de exemplos bem didáticos de como cometer atentados talvez até mais bem elaborados que os presentes nos jogos de videogame.

Se pararmos para pensar, os jogos eletrônicos são mais mocinhos que vilões nessa história, pois a maioria deles serve de válvula de escape para a agressividade reprimida de algumas pessoas, que sabendo da possibilidade de punição por seus atos no mundo real o transferem para o imaginário, ou seja, personagens de videogame.

Para finalizar lembremos que grande parte dos crimes hediondos cometidos atualmente, poucos ou nenhum (que eu me lembre nenhum) foi realizado utilizando como referência armas ou golpes de personagens de videogame, mas sim pura e simplesmente pela sordidez da mente humana, que supera qualquer tipo de ficção, por mais bem arquitetada e bem modelada que possa ser, nada nunca superara uma mente perversa.


By: Rivaldo Yagi

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Refletir nunca é demais...

Você só não é capaz de realizar o que não deseja realmente, muitos lhe dirão que é impossível, e cabe somente a você provar o contrário!

By: Rivaldo Yagi

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Passado Novo

Tentar viver o passado travestido de presente parece algo incoerente, mas infelizmente é o que muita gente faz, muda-se os atores e os cenários, entretanto a história é sempre a mesma..


By: Rivaldo Yagi