sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

O Selo




As regras:

1- Exiba a imagem do selo “Olha Que Blog Maneiro”;

2- Poste o link do blog que te indicou;

3- Indique 10 blogs de sua preferência;

4- Avise seus indicados;5- Publique as regras;

6- Confira se os blogs indicados repassaram o selo e as regras;

7- Envie sua foto ou de um(a) amigo(a) para olhaquemaneiro@gmail.com juntamente com os 10 links dos blogs indicados para verificação. Caso os blogs tenham repassado o selo e as regras corretamente, dentro de alguns dias você receberá 1 caricatura em P&B.


Repasso para:

* testosterona.wordpress.com
* doqueasmulheresgostam.wordpress.com
* filosofosbebados.blogspot.com
* liberdadecondicional-buka.blogspot.com
* blog.drpepper.com.br
* jacarebanguela.com.br
* buzz.com.br
* tolicesdoorkut.com
* tarjapreta.org
* anascorpio.blogspot.com

Recebi de liberdadecondicional-buka.blogspot.com

“Quanto mais conheço os Homens, mais admiro os animais!”

Certa vez em algum lugar li uma frase mais ou menos assim: “Quanto mais conheço os Homens, mais admiro os animais!”. Se essa frase fosse dita por uma mulher, com certeza causaria polêmica. Pois poderia ser relacionada ao homem, ser Masculino, sendo que para classificar seus parceiros tidos como cafajestes, as mulheres costumam utilizar conotações do meio animal, tal como Galinha, Cachorro, etc...

Mas creio eu que esta frase tem um sentido mais amplo, não se referindo somente ao homem como o ser masculino como já citado anteriormente, e sim no sentido de Humanidade. Já que todo o grupo de seres humanos é denominado Homem, termo criado para simplificar, ou até resumir uma frase que fosse relacionada à nossa raça, em uma época dominada pelos homens onde as mulheres eram coadjuvantes, vivendo a sombras da sociedade, sem direito algum a emitir opinião.
O mundo mudou, as mulheres garantiram seu espaço, algo muito justo por sinal, mais mesmo assim não paramos de descrever o ser humano como homem. Assim sendo, não deveríamos levar o sentido da frase em questão ao pé da letra, já que a frase não remete ao ser masculino e sim a toda humanidade, que preocupada só com ganância, ódio e preconceito, deixa a desejar em relação aos animais tidos como irracionais, que assim são classificados por não terem raciocínio lógico e agirem somente por seus instintos naturais. Nós seres humanos, que deveríamos usar de nossa qualidade de ser pensante para viver em harmonia com nossos semelhantes, fazemos exatamente o contrario, utilizamos nosso poder de raciocínio para destruir, deflagrar guerras, ferir e matar nossos semelhantes. Agindo assim estamos nos tornando menos racionais que os animais tidos como irracionais perante nossa própria classificação, já que o único motivo pelo qual eles caçam e matam é a alimentação e o instinto de sobrevivência.

Portanto, partindo desse ponto, eu também sou adepto da frase que trabalhamos nesse texto. Pois com toda a capacidade psíquica que possuímos, ainda insistimos em gasta-la com coisas tão supérfluas, sem sentido algum, matando e morrendo por causa de coisas mesquinhas, da quais não levaremos absolutamente nada quando chegarmos a fim de nossa existência.


By: Rivaldo Yagi

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

"O Criador"

Sei que acabarei mexendo em um vespeiro, mais vamos ver no que dá e como repercutirá.

Fico me indagando desde que me entendo por gente, o porquê de haverem tantas religiões, seitas, clãs, com regulamentações distintas para adorar um ser só, ser esse que denominamos Deus.
Deus ou o Criador como quer que queiram chamá-lo, pois é difícil definir já que ninguém até hoje o viu, e quem pode ter o visto não retornou para falar como ele é. Foi o responsável pela criação de todas as formas de vida existentes, o único que pode entender e explicar tudo o que acontece no universo, já que o Criador tem como obrigação saber todas as características e funcionalidades de sua criação.
Contudo nunca se ouviu falar diretamente sobre regras impostas por ele, só ouvimos isso da boca de pessoas que como todos nós seres pensantes, podem traduzir palavras escritas há séculos por outras pessoas que dizem ter recebido do próprio criador, e transmiti-las da maneira que lhes for mais cômoda. Sempre pensando em obter vantagens, sejam quais forem, se cremos em uma única divindade, porque precisamos de tantos templos, sinagogas, igrejas diferentes? Se Deus “O Criador” é um só, porque tantas maneiras diferentes de adorá-lo?

Acredito fielmente na existência de um ser superior, ao qual denominamos Deus, mas apenas por um único motivo. Alguém teve que criar o universo, mesmo os céticos ficando contrariados no que diz respeito a isso tentando explicar tudo a partir da ciência, temos de convir que para que fosse possível a teoria do Big Bang ter coerência, deveria haver uma estrutura pré-existente, e quem criou essa estrutura se não existia nada?
A única explicação plausível seria a divina, mas isso não significa que todo o resto das estórias religiosas sejam verídicas, claro que nem tudo que está escrito na Bíblia é mentira. Digamos que apenas sofreram mutações para que agradassem aos poderosos da época.

Seguir uma religião não fará de ninguém mais digno ou indigno, cada um deve continuar com sua crença, seus "Santos", anjos da guarda e coisas do tipo, todos temos direito a fazermos escolhas, se deixar levar pela opinião de um líder dito espiritual também não deixa de ser uma escolha, cabe a cada um assegurar-se do que é melhor para si, se preferirem ficar livres dos estigmas da religião serão pessoas bem mais realizadas, pois pensarão por si só, sem sofrer qualquer tipo de influência como a que sofrem os fiéis de todos os tipos de crenças religiosas.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Alguns dos porquês da Vida!


Por que você perguntaria?
Peraí! Por que não perguntaria? Que tipo de pessoa simplismente aceita as coisas sem questionar? Você tem algo contra as interrogações? ter dúvidas significa que você pensa, certo?
Então fica a pergunta: por que não usar mais Porquês?


01 - Por que a conexão de 1Mb nunca chega a essa velocidade?

02 - Por que a internet cai na hora que a gente mais precisa?

03 - Por que os arquivos não são guardados na memória e sim no disco rígido?

04 - Por que as garotas mais gatas são as que ficam menos tempo na internet?

05 - Por que o Google se chama Google?

06 - Por que as mulheres fingem não conhecer nenhum site de conteúdo adulto?

07 - Por que algumas pessoas procuram um site no google quando já sabem o endereço?

08 - Por que o internauta nunca usa o nome verdadeiro quando quer falar mal de algo?

09 - Por que toda lista geralmente tem no mínimo 10 itens?

10 - Por que toda garota gata no orkut tem sempre uma amiga mais gata que ela?

11 - Por que alguém com dúvida coça a cabeça?

12 - Por que o Mordomo é sempre culpado?

13 - Por que os namorados ficam infantis quando falam pelo telefone?

14 - Por que as pessoas fecham os olhos quando espirram?

15 - Por que as pessoas insistem em cumprimentar com aqueles gestinhos constrangedores?


Vi lá no PQpedia

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Liberdade Condicional


Desde o dia em que nascemos, somos condicionados a acreditar que somos livres. Que temos liberdade para fazer o que quisermos, e se quisermos.
Mas sabemos que não é bem assim, pois sempre devemos satisfações a alguém no que diz respeito aos nossos atos, nossos pais, patrões, conjugues, e por aí vai. Ninguém é 100% livre, todos temos obrigações, coisas a fazer que não podem simplesmente ser deixadas de lado, vivemos como prisioneiros da rotina, cheios de horários e tarefas a cumprir.
Sem nos darmos conta acabamos por viver um estilo parcial de liberdade, uma liberdade restrita a que chamamos de Liberdade Condicional. Pois apesar de termos o direito de ir e vir, não podemos invadir a individualidade alheia, temos a obrigação de respeitar o espaço de cada um e assim ficamos privados de nossa liberdade, o que acaba por ser um pouco irônico, já que a palavra LIBERDADE dentre suas descrições não se encontram alusões a limites. A liberdade em sua essência é ilimitada, não a parâmetros, regras, um fim pré-determinado.
Talvez o ser humano seja o único animal na face da terra que impõe “limites” a sua liberdade, já que os demais seres vivos seguem a direção que querem, no momento que querem e com quem quiserem. A única explicação cabível para sermos os únicos seres a nos privar de nossa liberdade plena, é o fato de termos desenvolvido nosso lado racional, bloqueando muitas vezes nossos instintos animais. Podendo assim conviver harmoniosamente uns com os outros, sem precisarmos destruir um semelhante para conquistar nosso espaço, nossa colocação no grupo.
E para que pudéssemos conquistar essa socialização, tivemos de abrir mão de alguma coisa, e essa coisa foi nossa liberdade plena. Tivemos que nos impor limites, criar regras, respeitar essas regras e assim nos enclausurarmos em um universo caótico onde ter limites é essencial, e por fim obrigados a vivermos reféns de nossa Liberdade Condicional.

By: Rivaldo yagi

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

12 tipos de garotas-problema


Uma das coisas mais divertidas nas revistas femininas é a mania de identificar e catalogar homens, especialmente os que a mulherada acredita serem mau caráter, e assim somos colocados em categorias bem esdrúxulas e generalistas. Fazendo o mesmo exercício, e nos divertindo muito com isso, podemos também classificar alguns tipos de garotas que dão uma dor de cabeça monstro quando as suas intenções forem mais sérias.

1. Filhinha do papai: não importa qual seja a idade da garota, ela se comporta como a princesinha do reino distante e quer ser tratada com todo o mimo do mundo. Discordar dela é motivo para cara feia e uma sessão de gelo até o momento em que você engole seu amor-próprio e se desculpa. Apesar de vir com uma lista de proibições redigida pelo velhão, a mocinha tem a vantagem de conhecer uma série de truques para burlar a segurança. Só que essa é a única vantagem.

2. Jogadora de pôquer: verdadeira mestre em blefar e levar seu jogo quando você acha que está com a mão que pediu a Deus. Ela seduz, te faz achar que você é o cara, que vai ficar com você, mas sempre posterga o momento do seu bote. Acredite, você vai ficar sozinho, frustrado e desesperado, pensando que o problema é seu. Não é.

3. Diva de ópera: ela não chega, estréia! Não importa onde você está e com quem está conversando, ela tem que ser o centro das atenções. Tudo gira em torno desse tipo de garota, e ela vai usar técnicas avançadas como alto tom de voz, gesticulação excessiva e, se precisar, roupas extravagantes. A personalidade forte dela encanta obviamente, mas você será como Ken para a Barbie: um acessório.

4. Viúva traumatizada: se ela começar um papo dizendo que acabou de sair de um relacionamento intenso, corra como Forrest Gump. Porque mesmo que você consiga conquistá-la, a justificativa para te dispensar vai estar sempre no ar e ela é especialista em sabotar novos relacionamentos, especialmente com mensagens truncadas e confusas. E mais: aguarde o momento onde qualquer ato menor seu será classificado como "igual ao que o falecido fazia".

5. "Coelhinho na panela": essa é em homenagem ao clássico Atração Fatal, filme em que Glenn Close mata os animais de estimação do filho do amante, porque ele quer dispensá-la. Ela geralmente é ciumenta demais, vasculha seu Orkut e seu MSN em busca de registros infelizes e, nunca, em hipótese alguma, você pode ter amigas. Nem primas. Nem amigos. E, quando ela se vê ameaçada, é escândalo na certa.

6. Gigante do ringue: a vida a dois com ela é uma verdadeira luta livre emocional. Ela vai discutir sobre tudo com você, mesmo porque a grande maioria acha que homem não presta e que está sempre tentando diminuí-la ou insultando-a. E, mesmo que você controle o que fala, suas palavras serão sempre distorcidas e interpretadas da maneira que ela quer.

7. Mama italiana: você não é o namorado. É o filho. Ela vai cuidar de você, corrigir sua maneira de falar, de se portar e de se vestir. Apesar de não ser de todo mal e as intenções serem as melhores possíveis, a pressão pode chegar a ser insuportável. A macarronada de domingo, porém, é deliciosa.

8. Desesperada de grinalda: essa passou tanto tempo esperando pelo príncipe encantado e pela vida dos contos de fada, que agora bateu aquela urgência de casar, procriar e perpetuar a espécie. Ela não quer realmente saber quem você é ou que deseja, desde que você seja elegível para o altar. Sua maior arma secreta chama-se gravidez.

9. Vulcão sexual: sabe aquela menina que é muito sedutora e te deixou de quatro com sua sensualidade? Pois é, ela faz questão de que todos os caras sintam o mesmo. E isso vai incluir seus amigos, os amigos dela, seu pai, seu primo de Santa Bárbara D´Oeste e mais uma multidão de desconhecidos. Seguramente, você será dispensado quando aparecer algo melhor.

10. Embalagem perfeita: possui um rosto lindo, com um corpo que foi esculpido, mas na hora de abrir a boca, não tem nada a dizer, a não ser fofocas, novelas e BBB. Obviamente, ela dá um status tremendo (desde que só sorria e acene em eventos sociais) e é o objeto com o qual os sonhos são feitos, mas se você quiser ter um papo mais denso com ela, provavelmente ouvirá: "o que quer dizer denso?".

11. Caçadora de talentos: para sair com ela você vai precisar entregar suas três últimas declarações do IR, ter carro do ano (não vale aí ser 1000 ou popular, diga-se de passagem) e usar só roupas de marca. Ou, para facilitar o processo, deve jogar como titular em algum time de futebol de primeira linha. Ela nunca vai por a mão na própria carteira e, apesar de toda a doçura inicial, vai sempre querer mais. E ai de você se o dinheiro acabar.

12. Mal me quer, Bem me quer: gentil, afável, apaixonada, ela parece ser a mulher que você pediu ao seu santo favorito, até o momento que começa a duvidar de todas as decisões que faz, leva horas escolhendo roupas, acessórios e maquiagem e liga pelo menos cinco vezes ao dia para "ouvir sua voz" e lhe perguntar para onde o relacionamento está indo. Assim, você passará seus dias tomando todas as decisões do casal e reafirmando à insegura donzela que ela é atraente e desejável.

Obviamente que a classificação acima é exagerada e beira à piada. Não recomendamos que, se sua namorada estiver em uma festa conversando com os outros e rindo à beça, você comece a chamá-la de Diva de Ópera. E muitas garotas combinam características acima citadas e são ótimos interesses amorosos e grandes namoradas!
Mesmo porque, essas mesmas meninas podem ser compatíveis totalmente com seu estilo e seus desejos. O que importa é, se você estiver feliz com sua namorada, curta-a muito e aproveite os bons momentos. Agora, se não estiver, é melhor começar a procurar outra.


Tirei do Portal Terra

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Histórinha

"Era uma vez um Homem sem passado...coitado...viveu tão pouco que nem existiu."

By: Rivaldo Yagi

Abandonemos a Geração Coca-cola

Como já dizia um trecho da música “Geração Coca-Cola” da ótima banda Legião Urbana, “Quando nascemos fomos programados...a receber de vocês...nos empurraram com os enlatados dos USA, 9 às 6.” Ou seja, somos desde nosso nascimento influenciados, a sermos “NORMAIS”, ou seja igual a todos os outros. Seguir as mesmas diretrizes, aceitar as mesmas idéias, gostar do que todos gostam, sofrendo uma chacina psíquica, que faz de nós seres robotizados. Pessoas que agem pensando de uma maneira previsível, para que não sejam excluídos da sociedade.
Fomos orientados a seguirmos sempre a mesma conduta, porque os que não seguem são considerados loucos e assim marginalizados, colocados à margem da sociedade.
Mais afinal, que mal à em ser diferente? Porque minhas idéias não podem ser aceitas sem serem consideradas revolucionarias e/ou fruto de uma mente doentia? Porque o mundo moderno ainda é tão dependente dos velhos costumes?
Se pararmos para pensar, os maiores gênios da humanidade, os homens aclamados em todos os livros de história por causa de seus feitos, eram em suas épocas considerados malucos, só porque tinham idéias que ultrapassavam a barreira de seu tempo. O que seria do mundo moderno sem as descobertas de Isaac Newton e Graham Bell, difícil precisar não é? Mais com certeza você não estaria lendo esse post, pois não teríamos, nem energia elétrica e nem telefone(que nos possibilita o uso da Internet). E Galileu Galilei então, que quase foi para fogueira por dizer que a terra era redonda e que além do horizonte não despencaríamos em um abismo.
Pessoas “normais”, não modificam o mundo, pois não tem coragem de revelar sua verdadeira natureza. Escondem-se atrás de mascaras de falso moralismo, reprimindo e tentando ao máximo esconder seus desejos mais íntimos, por um único motivo, não querem ser consideradas “DIFERENTES”, vistas como lunáticas, insanas.
Não deveríamos dar importância ao que as pessoas ou a sociedades em que vivemos dizem de nós, e sim colocar em pratica tudo que consideramos certo, desde que não prejudique os demais, pois se nos foi dado o direito de pensar, vamos utiliza-lo em sua totalidade.
Cada ser humano tem um jeito particular, e não deveria ser tirado dele o direito de por em pratica suas idéias. Não estamos aqui pedindo o fim da escola que é de suma importância no crescimento de uma pessoa, e nem que esqueçamos o nosso passado, pois uma pessoa sem passado é um ser inanimado, mais deveríamos sim, fazer com que além do conhecimento adquirido a partir dos nossos ancestrais, possamos ter liberdade para inserir em nosso circulo social, nossas idéias e pontos de vista, sem recebermos em troca rótulos e sim reconhecimento pelo serviço prestado.


DEUS TENHA PIEDADE DOS “NORMAIS”...E DE FORÇAS AOS “DIFERENTES”!!!