quinta-feira, 19 de setembro de 2013

É preciso voltar pra rua urgentemente

Mais uma vez o povo é feito de palhaço, e o Brasil volta a ser o País da piada pronta. Onde a criminalidade impera e o povo como sempre paga a conta, não bastasse os altos índices de violência pública, agora estamos diante de um asqueroso episódio de violência moral, um verdadeiro e doloroso “tapa na cara” do povo Brasileiro, que terá que engolir um segundo julgamento para os mensaleiros, estes que devem estar gargalhando até perder o ar da inércia e do conformismo do povo Brasileiro, cadê o gigante, voltou a dormir? Ou será que nunca acordou de fato e toda aquela mobilização foi mesmo por vinte centavos, e para estrangeiro ver!
Cadê aquele inconformismo, aquela ânsia por um País melhor de meses atrás? Em São Paulo já arquivaram a CPI do transporte público, agora reabrem o caso dos mensaleiros, o que vem depois? O indeferimento dos Royalties para Educação e Saúde? O fim do projeto Mais Médicos? Realmente iremos esperar para ver? O povo já demonstrou que tem força, e os Governantes que temem a mobilização popular, mas estes também sabem que o povo tem memória curta e que nos acomodamos com facilidade, tudo que precisam fazer é nos jogar migalhas, assim como fazem com os pombos! A grande pergunta a fazer é “vamos deixar que ele continuem pensando isso de nós?” ou vamos nos levantar novamente e mostrar que estamos fartos de corrupção, que queremos mais médicos, educação de qualidade, honestidade, respeito e decência.

O próximo ano para nós Brasileiros não deve ser de Copa do Mundo, mas sim de eleição, de fazer valer nossa vontade, é hora de tirar toda essa corja de corruptos do poder, pois o momento de mudança passa pela urna, pela escolha coerente, não a midiática, votemos por candidatos não mais por partidos, mesmo porque esses ideologicamente nem existem mais, hoje são apenas balcões de negócios, simples ferramentas de conchavos, nada mais que isso.

Contudo, não devemos deixar para pensar nisso amanhã, ou seja, no ano de eleição, temos que começar por agora, voltando às ruas, fazendo pressão popular e mostrando quem realmente manda nesse País e de quem é o dinheiro realmente! Chega de roubalheira, já perdemos muito, primeiro por termos sido colônia, agora por sermos acomodados e conformados com as migalhas que nos oferecem, e que aceitamos como se merecêssemos apenas isso, lembremo-nos que quem faz a grandeza de um País é o seu povo e não o contrário.

Hoje volto a ter vergonha do meu País, mas ainda tenho orgulho do meu Povo, assim como certeza que não ficaremos parados esperando nos fazerem de bobo novamente, e a cada tentativa de nos ludibriar bateremos com mais força, até que recebamos o que nos é de direito, e que possamos realmente dizer que o Brasil é o País de todos e não tolos como nos veem atualmente.


By: Rivaldo Yagi